sábado, 14 de maio de 2011

Crónica Benzodiazepina


11 REGRAS PARA ESQUECER UM AMOR

Falava de Camões e do desconcerto do mundo. Falava-lhes do sofrimento amoroso típico deste autor. Enfim, tentava transformar a minha disciplina de Literatura Portuguesa em algo interessante, que os levasse a ler, a fruir as palavras, a sentir o texto...
Há dias, uma aluna que criou este terrível e inexplicável hábito de desabafar os seus males de amor comigo, perguntou-me em plena aula: "Stôra, diga-me lá o que hei-de fazer para esquecer um amor?"
Engasguei-me. Bebi um pouco de água. Arregalei os olhos. Quando finalmente me recompus, comecei a falar, como se possuída pelo deus dos revoltosos:

1. Rodeia-te dos teus amigos.

2. Ri. Ri. De ti. Dos outros. De tudo. Não pares de rir.

3. Não comas. Bebe água. Aproveita o desgosto amoroso para perderes os quilos a mais.

4. Apanha sol. Vai ao mar. Apanha sol. Vai ao mar. Sempre. Sempre. Sempre.

5. Seduz. Conquista. Seduz-te. Conquista-te. Arranja-te. Sente a mulher única que és.

6. Ocupa-te: trabalha, lê, faz ginástica, vai ao cinema, dorme, escreve...

7. Enumera os defeitos dele. Aqueles que tu não querias ver, mas sabias que existiam. Por exemplo: Era gordo? Tinha barriga? Usava trousses brancos? Não tinha humor? Era possessivo? Olhava para tudo o que passasse em volta e usasse saias? Deitava lixo para o chão? Era assim tão bom na cama? Era assim tão carinhoso? E sensível? E compreensivo? Era assim tão inteligente? Alguma vez lera um livro ou jornal que não a Bola?

8. Retira o seu número do teu telemóvel. Se te apetecer mandar-lhe uma mensagem, manda-a para a tua melhor amiga.

9. Faz uma selecção das tuas músicas preferidas e canta, dança, pula, salta...

10. Pensa que tudo passa, tudo sempre passará e que se tu, uma mulher tão especial, foste rejeitada é porque ele não te merecia. "Só uma besta se atreveria a perder-te!"

11. Arruma a um canto todos os objectos que te façam recordá-lo. Ou, melhor, devolve-os com um cartão a dizer: "Já não me interessas. A tua época passou."


Carmo Miranda Machado

2 comentários:

Triste.Eco disse...

Seguirei estes conselhos = )

Sinner disse...

Bons conselhos. Resultam?